O vencedor do #vmgaleria de maio foi o Guzz Soares, que ganhou uma camiseta exclusiva da Chaos Group. E, como prometido, segue o making of da imagem ganhadora: Hannibal!

Hannibal

1 – Referências

Antes de começar o projeto, comecei a pesquisar boas referencias, (nesse caso, fotos do ator Anthony Hopkins que interpreta o personagem Hannibal no filme Silencio dos Inocentes) buscando entender melhor o formato de seu rosto e de que forma eu poderia traduzir sua imagem em caricatura.

01

2 – Escultura

Após ter escolhido todas as referencias e ter feito um estudo sobre as caracteristicas do personagem, comecei a blocar um sketch no Zbrush a partir de uma esfera utilizando dynamesh. Aos poucos vou criando uma base ainda bem simplificada, focando na silhueta. Considero esta etapa essencial, pois é onde consigo definir como sera o personagem.Após ter toda a base com a silhueta correta, comecei a adicionar os detalhes.

02

3 – Textura

Tendo finalizado a modelagem e detalhamento, iniciei a etapa de texturização. Para isso eu utilizei o polypaint do Zbrush. Comecei adicinando as cores principais, baseando em minhas referencias, e vou mesclando aos poucos utilizando o brush Smooth. Após isso, levei para o photoshop e fiz alguns ajustes de saturação e contraste, alem de adicionar mais variação de cor.

03

4- Luz

Tendo as texturas prontas, importei meu modelo e textura no 3ds max e comecei a iniciar a configuração da luz. Nesse caso utilizei uma configuração com tres luzes (Uma VrayLight para a luz frontal, outra VrayLight para luz de contorno utilizando 0.5 no direcional, e uma VrayDomeLight com um mapa VrayHDRI para auxiliar na iluminação global).

04

5 – Materiais

Após configurar as luzes, comecei a criar os materiais. Basicamente utilizei 4 tipos de materiais nessa cena. Uma VrayFastSSS2 com um preset skin para a pele, VrayMtl para as roupas (ambos utilizando o mapa Faloff no Diffuse) VrayHairMtl para o cabelo, sobrancelha e cilios, VrayFastSSS2 e VrayMtl para os olhos.

05

6 – Render

Por fim, comecei o processo de render. Para facilitar o processo de pós produção, gosto de gerar alguns passes, que auxiliam na seleção de objetos, ajuste de reflexo, etc. Após ter tudo que preciso comecei a etapa de pós produção ajustando cores e aplicando alguns efeitos desejados como vinheta, ruidos, etc.

06

Hannibal

Anúncios

Escrito por Rick Eloy

Arquiteto, marketeiro, profissional 3D e professor.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s